22/10/2008

Cariátides e Atlantes nos prédios antigos de Porto Alegre

Segundo Aurélio:

cariátide
[Do gr. Karyátides, pelo lat. Caryatides.]
Substantivo feminino.

1.
Figura humana, geralmente feminina, esculpida em fachadas
de edifícios da Grécia antiga com a função de suporte de cornija
ou arquitrave
.

atlante
[Do gr. Atlas, antos, ‘titã que carregava aos ombros
a abóbada celeste’, pelo lat. Atlante.]






Prédio da antiga Alfândega, na Rua Siqueira Campos






Na Rua dos Andradas
(Colégio Mauá)





Prédio da antiga Confeitaria Rocco
na Rua Riachuelo



Veja mais sobre a história e detalhes deste prédio em:
Confeitaria Rocco





Na fachada do Centro Cultural CEEE Érico Veríssimo
Rua dos Andradas






2 comentários:

acqua disse...

Cá estou para apreciar-te, belas fotos. Sigo lamentando os fios que cruzam as cidades e enfeiam a paisagem, um dia hão de ser subterrâneos. Abraços meus

Anônimo disse...

Liz,
Que bacana teu olhar se voltar para essas suas maravilhosas imagens.
Fiz uma bela catalogada de todos eles para uma trabalho que faço ha 10 anos, pelas cidades brasileiras, quando estive aí, no começo do mes.
Meu amigo gaúcho, Leopoldo Plentz, inspirado em meu trabalho, fez os atlantes.
Bacana. Vá em frente.
Outra hora te mostro minha pesquisa sobre as cariatides.
A lenda é linda.
abraço! lina
Os exemplares gaúchos saõ lindos.